Marli Guillante é eleita para assumir a presidência da Apae de Pinhalzinho

Nova presidente assume a instituição a partir de janeiro de 2020

Imprensa do Povo

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Pinhalzinho realizou na terça-feira (26), uma Assembleia Geral Ordinária de apresentação e aprovação de algumas atividades e do balanço do triênio 2017/2019, além de eleição da nova diretoria da Apae 2020 a 2022. O presidente Mario Antonio Kich passou o comando da Apae para a vice-presidente da sua gestão e presidente eleita, Marli Guillante.

Kich esteve à frente da instituição por seis anos, e em entrevista ao jornal imprensa do Povo apontou ser gratificante permanecer por dois mandatos consecutivos como presidente da Apae. "Foi um aprendizado enorme, onde aprendemos especialmente a ter responsabilidade e com isso conseguimos trazer a comunidade para dentro da escola, o que hoje faz toda a diferença. Encerro o ciclo passando a presidência para a nova gestão, pessoas comprometidas, competentes e que já faziam parte da diretoria. Estou feliz porque essa missão será levada adiante com muito carinho", diz.

Inúmeras melhorias foram realizadas na escola no espaço físico, começando pelo telhado que estava comprometido e também a obra de reforma da piscina. Mas, o que se destacaram nestes últimos anos, foram os projetos de atendimento, os quais a Apae conseguiu recursos para executar, como o jardim sensorial, a cinoterapia, equoterapia, pediasuit, entre outros.

"Temos uma gratidão enorme, principalmente aos professores, profissionais, a equipe diretiva da secretaria da escola, a nossa diretoria que nos apoiou e por isso temos uma das melhores Apaes de Santa Catarina", destaca.

Ele ressalta ainda que alguns projetos ficaram para a próxima diretoria executar, mas que conseguiu recentemente concluir, com recursos próprios, a instalação da energia fotovoltaica, visado à climatização de toda a escola sem custo de energia elétrica.

Para finalizar, Kich diz que sempre precisam dentro da Apae um soldado a mais, que contam com a contribuição de clubes de serviço que levam o nome da Apae e isso faz com que a comunidade conheça a instituição e saiba o que está desenvolvendo. "É nosso dever como cidadão acolher essas pessoas que frequentam a Apae e dar o melhor a elas".

Marli Guillante ressalta que é uma emoção muito grande assumir a presidência, mesmo sendo vice-presidente da Apae por três anos. "Foi conhecendo a escola e para chegar ao cargo de vice ou presidente precisa estar contribuindo com a instituição há mais de um ano e eu já vinha fazendo isso. Neste período de três anos fui me preparando para assumir tal função, juntamente com toda a diretoria, conhecendo a escola, as funções de cada um e agora chegou o momento. Em janeiro de 2020 assumo como presidente por três anos e juntamente com toda a diretorias vamos dar o melhor de nós pela instituição. A comunidade colabora muito, as entidades colaboram, a escola está em um patamar muito bom e vamos dar continuidade a todo esse trabalho que vem sendo feito pela escola", diz.


Imagens






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina