Secretário apresenta metas na Saúde para 2019

15 Fevereiro 2019 09:51:00

Nossa prioridade são as pessoas. Ficamos felizes quando demonstram que estão bem e que foram bem atendidos

Ascom/Prefeitura
Foto: Ascom/Prefeitura

A Secretaria de Saúde de Pinhalzinho tem algumas metas a seguir neste ano de 2019. As informações são do secretário de Saúde, Elmo Zanchet, que diz que a principal meta é manter e melhorar o atendimento nas Unidades Básicas de Saúde.

"A função das Unidades Básicas de Saúde é fazer o atendimento preventivo para evitar o atendimento curativo, que além de ser mais traumático é mais caro para o município. Estamos hoje com sete médicos no ESFs, a maioria concursados, apenas um médico do Programa Mais Médicos. Todos estão fazendo um ótimo trabalho, assim como toda a equipe de enfermeiros, dentistas e os demais profissionais da Saúde", aponta Zanchet.

Focando sempre nas pessoas e no atendimento, o objetivo é continuar diminuindo as filas de cirurgias e exames de média e alta complexidade. Com recursos próprios foram realizadas 1.284 cirurgias em dois anos de governo.

Outra meta é manter o município sem nenhum registro de Dengue. "Nestes dois anos que estamos frente à Secretaria de Saúde, felizmente conseguimos fazer o controle e não tivemos nenhum caso da doença neste período", destaca.

A acessibilidade das Unidades de Saúde também é uma meta para este ano. O secretário ressalta que sabe da dificuldade que os idosos têm de se locomover e a acessibilidade também é lei. "Nestes dois anos tivemos dificuldade de fazer isso, até porque não tínhamos orçamento, mas agora é uma prioridade do prefeito de começar pela Saúde, fazendo acessibilidade nas Unidades de Saúde", diz.

O secretário acrescenta, que ainda neste ano pretendem construir uma garagem de estacionamento para os veículos ao lado da Secretaria. "A partir da chegada de duas ambulâncias novas, que vamos receber nos próximos dias, teremos 18 veículos. Hoje estão sendo abrigados no posto central, em um lugar até precário, com coberto para apenas cinco veículos e os demais ficam no relento".

Consolidar o Centro de Atendimento Psicossocial (Caps) localizado no bairro Jardim Maria Terezinha obtendo recursos federais é outra meta. O secretário afirma que estão preocupados com os problemas de saúde mental no município. "Já estamos bem avançados, o quadro de profissionais já está funcionado e precisamos melhor a estrutura física do ambiente. Acreditamos que até o fim do ano vamos conseguir deixar tudo funcionado perfeitamente".

Deve ser edificada neste ano a academia de saúde, a qual o município foi contemplado com verba de R$ 125 mil, do governo federal. De acordo com o secretário, isso é importante para dar celeridade aos serviços de fisioterapia. "Temos duas fisioterapeutas, mas não estamos conseguindo dar atendimento a todas as pessoas que precisam deste tipo de atendimento. Com a academia, orientados pelas fisioterapeutas, os educadores físicos poderão fazer esse trabalho de fisioterapia em grupo. Achamos muito importante, por isso está dentro das nossas prioridades para esse ano", afirma Zanchet.

Para finalizar, o secretário aponta que neste ano vão continuar mantendo um bom relacionamento com o Hospital "Tivemos nos últimos dois anos, um trabalho em conjunto muito importante, principalmente no que diz respeito à ginecologia e pediatria. Até 2016, muitas mãe se descolavam para outros municípios para ter seus filhos, a partir dali, o volume de nascimentos em Pinhalzinho cresceu muito. Isso, pela qualidade do atendimento realizado aqui".








SOSDesaparecidos.fw.png


https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 2231 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina