Facebook jornal.png

Em foco

28 Julho 2017 08:24:28

Jocimar Borba

Foco, Força e suor

 

Queria aqui fazer um registro ao meu amigo Claudir Kollett, Coordenador do Programa de Combate a Dengue. Claudir esteve na linha de frente de todos os mutirões de limpeza pelos bairro de Pinhalzinho. Foram recolhidas cerca de 201 cargas de entulho em 324 horas de trabalho. Parabéns a você, Claudir e a todas as pessoas envolvidas nos trabalhos, sabemos que vocês não mediram esforços para erradicar a dengue de nossa cidade. Muito obrigado.

 

Falta de vergonha na cara

 

O Temer esta conseguindo se sair pior que a Dilma, pelo amor a Deus. O cara esta torrando todo o resto de dinheiro que o governo tem e tudo isso para se safar das denuncias, contratando e amarrando cargos, liberando verbas e emendas a deputados por votos a seu favor.

Um simples exemplo são as receitas e despesas do governo nos primeiros seis meses de 2017 em comparação a os seis meses de 2016:

 

A receita caiu -2,7% - cerca de 548,1 bilhões

Já os gastos do governo subiram 0,5% - 604,2 bilhões

 

Agora eu me pergunto como que o Brasil vai sair desta lama que o Lula começou a fabricar, a Dilma colocou mais água e agora o Temer parece que a mexe ainda mais e a deixa mais pesada aos brasileiros.

Ambos são governos que não plantaram nada, somente colheram os louros do passado. Irão e já deixaram a população ainda mais endividada e cada vez mais dependente dos governos, desta forma os mantendo com medo de perder suas bolsas e por ai vai e continuar a votar a eles, que a cada eleição enchem suas contas nos paraísos fiscais.

 

A luz também

 

A alta no combustível na ultima semana fez o valor do litro disparar, em Pinhalzinho ocorreu uma alta de cerca de R$ 0,20 por litro. Mas a consequência será maior ainda, além da gasolina e do etanol, a alíquota de PIS e Cofins subiu para o óleo diesel: de R$ 0,21 para R$ 0,46 a cada litro. A alta impactará diretamente nas contas de luz porque o diesel também é o combustível usado em parte das termelétricas que geram energia no país, sem contar com a falta de chuvas nas grande hidrelétricas que já começam a ligar seus sinais de alerta.

 

 

Indefinições politicas

 

 

1-Também tem posição

 

Já no ninho dos tucanos, têm-se três vertentes, a primeira seria de não abrir não da majoritária mesmo que seja para ser chapa pura, outra é de uma possível coligação com o PMDB, em terceiro seria a coligação com PSD, PSB e PP, que já estão alinhados segundo especulações. Mesmo o PP não declarando aberto o apoio.

 

2-Primeiro o governador precisa se definir

 

Segundo o presidente da sigla progressista de Santa Catarina, Esperidião Amin, o PP somente vai abrir total apoio ao projeto do então pré-candidato ao governo do estado, Gelson Merisio, quando Raimundo Colombo deixar de lado o PMDB. Até o momento Colombo ainda se aproxima dos manda brasa, e ao mesmo tempo apoia Merisio ao governo, fazendo assim com que o projeto não deslanche.

 

3-Definições no PMDB

 

Em declaração nesta semana o vice governador, Eduardo Pinho Morreira, comentou que será o principal cabo eleitoral de Mauro Mariani, escanteando assim outros dois possíveis candidatos, Udo Döhler, prefeito de Joinville e o senador, Dário Berger.

 





SOSDesaparecidos.fw.png


https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 2231 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina