Coluna Inter

Renan Hartmann

Quer emoção?

Sempre brinco que quando você nasce no Rio Grande do Sul, te perguntam se você quer uma vida com emoção ou sem emoção. Escolhi com emoção, escolhi ser Colorado. O Inter sempre foi e sempre será aquele clube que fará o improvável. Está na essência do clube. No fundo todo Colorado sabe disso. O Inter é o clube que vai vencer Barcelona, vai vencer o São Paulo numa final de Libertadores quando este recém foi campeão do mundo, vai vencer o Estudiantes campeão da América, vai vencer a Internazionale de Milão, vai vencer o Boca Juniors, vai vencer qualquer grande clube mundial. Mas o Inter é o clube que vai se complicar contra Paraná, Ceará, Juventude, Chapecoense e América Mineiro. O Inter é o clube que vai vencer o GRENAL do século na semifinal de Brasileiro para perder a decisão para o Bahia. Sim, este é o Inter. Porém, tem horas que o Inter vai lutar até o fim até mesmo contra seus próprios fantasmas, esse time resgato a identidade Colorada. O Inter vai ser o clube que vai massacrar o Ceará para fazer um gol depois dos 30 do segundo tempo. O Inter vai passar por cima da arbitragem e achar um reserva esquecido para fazer um golaço de falta em casa contra o Paraná aos 50 do segundo tempo pra explodir o Beira Rio. O Inter vai ser o clube que vai pra Bahia cheio de desfalques, com a desculpa pronta pra uma fracasso, mas vai vencer e quebrar a série invicta do clube baiano em sua casa. O Inter está fazendo campanha. Cada um acredita no que quiser, mas as coisas estão acontecendo. Mas, no momento só quero pensar que faltam 5 pontos para o objetivo que todos diziam ser a meta do Internacional. Deixa falar, é jogo a jogo.

Torcida

A torcida definitivamente abraçou o time, abraçou Odair Helmann. Contra o Paraná houve quebra de recorde de público. Contra o Palmeiras teremos casa cheia novamente. O Colorado tem vivido e curtido esse bom momento. O Inter segue no pelotão de cima. Não faremos projeções. Respeitaremos o que o Odair pediu e nos devolveu. Nos abraçaremos no planejamento do clube. Nossa meta é os 3 pontos da próxima partida. O coloradismo está mais intenso do que nunca. Toda energia positiva é bem vinda. Toda pedra atirada se torna combustível pra esse grupo ter ainda mais gana na caminha do Brasileirão. Respeitem a história do Internacional.

Curtas

Boatos de que Paolo Guerrero terá que cumprir o restante da sua pena. Coisa que o Inter sabia e se precaveu. O contrato fica congelado e aumenta automaticamente.

Se Guerrero não jogar esse ano. Jogará ano que vem. Nada mudará. Mas no momento estamos firme e fortes com Alves e Damião.

Desfrute desse momento torcedor Colorado. Deixa o desespero para o lado de lá. Lembre-se. É jogo a jogo. É o Inter. Não vamos perder sem lutar. 

Fui, com a camisa vermelha e a Cachaça na mão. Bom final de semana a todos!






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina