403 pessoas morreram nas rodovias federais catarinenses em 2019

BR-101 e BR-282 foram as rodoviais que registraram o maior número de mortes

Foto: PRF/Divulgação

No ano de 2019, 403 pessoas morreram em acidentes nas rodovias federais de Santa Catarina. Foram registradas 16 mortes a mais que em relação há 2018, quando foram houve 387 óbitos. Entre as rodovias do estado, a BR-101 foi a que registrou o maior número de mortes. Na sequência aparecem a BR-282 e a BR-470.

Os dados foram divulgados, nesta segunda-feira (27), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Catarina. No balanço de 2019, a PRF informou ainda que foram registrados 8.424 acidentes, em que 10.276 pessoas ficaram feridas. 

Rodovias

O maior número de mortes nas rodovias estaduais foi registrado na BR-101, onde 146 perderam a vida em 2019. Segundo os dados da PRF, nesta rodovia foram ocorreram 3.995 acidentes, que deixaram 3.470 pessoas com ferimentos leves e 919 com ferimentos graves. 

A segunda rodovia de Santa Catarina que mais registrou mortes no ano passado foi a BR-282, com 100 óbitos. Na BR-470 aconteceram 87 mortes, em 2019.


Fonte: ClicRDC






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina