Justiça confirma condenação de homem que agrediu a mãe por R$ 50 no Oeste de SC

Homem deverá cumprir reclusão de cinco anos, cinco meses e 18 dias de regime fechado

ClicRDC
Foto: Divulgação

A Justiça manteve a condenação de um homem que, em 2018, agrediu a própria mãe para roubar R$ 50 reais, em Caçador (SC). Ele deverá cumprir reclusão de cinco anos, cinco meses e 18 dias em regime fechado. O réu foi condenado por violência doméstica. O processo corre em segredo de justiça. 

A decisão da condenação foi mantida pela 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), em recurso sob a relatoria do desembargador Luiz Neri Oliveira de Souza. O réu havia recorrido e pedido à absolvição. 

O homem alegou na defesa que apenas pediu dinheiro à mãe. Também solicitou a desclassificação do crime de roubo para furto, pois defendeu que não houve agressão. O acusado é reincidente. 

Para o desembargador Luiz Neri Oliveira de Souza, as provas da autoria atribuídas ao acusado são fortes, coerentes e reveladoras. Por esse motivo ele acredita que o homem não pode ser absolvido. 

Crime

Em dezembro de 2018, segundo a denúncia, a mulher visitava a casa de uma de suas filhas quando seu filho invadiu o local alcoolizado e sob efeito de droga. Situação que, segundo o TJSC, foi confirmado pelo homem no depoimento dele. 

Segundo a denúncia do Ministério Público, o homem, mediante violência e grave ameaça, segurou a vítima fortemente pelos braços e a ameaçou de morte caso não entregasse o dinheiro. Após pegar os R$ 50, o homem saiu apressadamente do local. A mulher ficou com as marcas das agressões nos braços.


Fonte: ClicRDC






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina