Polícia Civil deflagra segunda etapa da 'Operação Iceberg' no Oeste de Santa Catarina

Primeira etapa da Operação calculou um prejuízo de R$ 3,5 milhões para as vítimas

Foto: Diego Antunes/ClicRDC

Nesta quinta-feira (17), a Polícia Civil deflagrou a segunda etapa da 'Operação Iceberg', que visa coibir o crime de estelionato em empresas. Segundo o delegado Roberto Marin Fronza, da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de São Lourenço do Oeste (SC) foi identificada uma possível organização criminosa que atuava nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

A primeira etapa da 'Operação Iceberg' foi deflagrada em julho deste ano e segundo a Polícia Civil, os crimes foram de associação criminosa voltada para a prática de estelionato, duplicata simulada e lavagem de capitais, quem deram um prejuízo superior a R$ 3,5 milhões às vítimas. 

Conforme o delegado Roberto foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão, um em Chapecó e quatro em São Lourenço do Oeste. Munições e armas com porte e posse foram apreendidas na operação, mas elas passarão por perícias e caso não seja encontrado nada de ilegal, elas serão devolvidas. 

A investigação continua, porque um empresário de Chapecó encontra-se foragido.


Fonte: ClicRDC






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina