Pinhalzinho

TCE identifica indícios de acumulação indevida de funções em 327 servidores de SC

Estudo feito pelo órgão apontou um total de 727 cargos acumulados pelos funcionários. Prática fere a Constituição Federal

O Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE) identificou 327 servidores do estado com acumulação indevida de funções. O estudo foi realizado em 2019 pelo órgão e apontou ainda um total de 727 cargos acumulados pelos funcionários. De acordo com o TCE, a prática fere a Constituição Federal.

O órgão localizou funções inativas e ativas identificadas em todas as esferas, sobretudo em âmbito municipal e estadual.

Conforme o estudo do TCE, 260 servidores acumulavam duas funções, 61 três funções e, em outros seis funcionários, foi identificado o acúmulo de quatro funções, cada uma delas com salários diferentes.






https://www.facebook.com/imprensa.povo/
Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina